O grupo José de Mello Saúde, empresa que detém a rede de clínicas CUF, concluiu em maio de 2015 o fecho dos termos de um empréstimo obrigacionista no montante de 50 milhões de euros, pelo prazo de seis anos. Esta emissão de obrigações contou com a liderança do Banco Finantia.

O objetivo do encaixe deste montante destinou-se a refinanciar a atividade corrente e fazer face a novas oportunidades de investimento. Como implicação positiva desta ação resultou a redução significativa dos custos de financiamento e alargamento da maturidade média da dívida.

Para além do prazo de seis anos, estes títulos implicaram uma taxa de juro indexada à Euribor a 6 meses acrescida de 2,95%. Uma vez que a taxa interbancária se posicionou nos 0,061%, deduz-se que este empréstimo obrigacionista teve um custo ligeiramente acima dos 3%.

Além disso, a José de Mello Saúde, num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), salientou dois aspetos importantes nesta operação, nomeadamente que a emissão “foi colocada junto de investidores institucionais, com mais de 20% colocados em investidores internacionais, e será solicitada a admissão à negociação nos mercados regulamentados Euronext Lisbon e Bourse de Luxembourg”. O comunicado destacou ainda a contribuição do Banco Finantia e do BES Investimento, que actuaram como Joint Lead Managers.

Também o CFO do grupo, Guilherme Magalhães, numa nota enviada à imprensa, fez questão de assinalar a satisfação sentida com esta emissão “que superou em muito a oferta, e na qual mais de 10% do investimento é estrangeiro, vindo de Espanha, Suíça e Reino Unido”.

A José de Mello Saúde é uma empresa de referência na área de prestação de cuidados médicos, contando com uma experiência de 70 anos, e gere atualmente sete hospitais e seis clínicas em Portugal. A prestação de cuidados de saúde assenta nas melhores práticas, na excelência tecnológica, e na mais recente e comprovada evolução científica na prevenção, diagnóstico e tratamento clínico da doença, sustentada na obtenção de resultados clínicos, periodicamente monitorizados e reavaliados face aos objetivos e metas definidos.